Cílios postiços prejudicam os olhos?

Os cílios exercem uma importante função no cuidado dos nossos olhos: protegê-los contra poeira, insetos e qualquer outro problema que possa invadir o globo ocular. Mas, quando o assunto é maquiagem, o par de cílios longos e bem cuidados é como uma cereja no bolo, um toque final, o acabamento perfeito! Uma pergunta frequente é se usar cílios postiços faz mal para a saúde dos olhos. Não traz sérios riscos à saúde dos olhos, desde que os cílios postiços sejam aplicados com muita cautela, evitando alergias, irritações ou até mesmo infecções na região dos olhos.
 A principal dica começa no momento da escolha do produto que será aplicado. Não devem ser usadas colas ou cílios de procedência duvidosa, e é importante fazer um teste com a colinha um dia antes de aplicar os cílios. Basta aplicar um pouquinho do produto na região próxima à raiz dos cílios naturais e deixar secar para observar se a pele vai apresentar algum tipo de alergia.
Um dos riscos que se corre ao aplicar os cílios postiços é a perda dos cílios naturais, por causa do peso e da pressão que os postiços fazem nas pálpebras. Para evitar o problema, devem ser usados cílios de aplicação em tufos, que são mais leves e agridem menos aos olhos.

A atenção deve ser redobrada na hora de aplicar a cola, se cair acidentalmente nos olhos, procure atendimento imediato, e para retirar os cílios, o cuidado também deve ser levado em conta: nada de puxar o acessório. Com paciência, é necessário aplicar demaquilante de forma suave, até que os tufos postiços desgrudem.

Uma dica importante: quem usa óculos de grau ou de sol pode usar o acessório tranquilamente. O Charme também é garantido!

Produtos relacionados:

Óculos modernos para quebrar o ‘revive’ pochetes!

A Chanel colocou as pochetes em um desfile no início do ano de 2014, e de lá pra cá o acessório considerado cafona começou a ganhar ares de sofisticação e fashionismo. Vários looks super modernos estão sendo clicados por aí, e uma das dicas para afastar o fantasma dos anos 80 do visual é combinar com peças mais modernas e atuais. Os óculos de sol são importantes aliados na produção. Confira looks atuais com as novas versões de pochetes e se inspire para adquirir os sunglasses que mais agradam seu estilo:

Produtos relacionados

Kimono e óculos de sol para dar um up no look do verão

A gente traz hoje uma dica para quem quer continuar seguindo no verão a regra de incrementar o look com uma terceira peça de roupa. Os kimonos estão em alta no mundo da moda, são fresquinhos e super versáteis. Combinam com shorts jeans, conjuntinhos ou com vestidos, arrematados com cintos. As versões dos kimonos são muito variadas também, com ou sem franjas, mangas curtas, ¾ ou longas. A certeza é que a terceira peça combinada aos sunglasses mais tops do momento, conferem um up em qualquer produção. Se inspire:


Se já tiver o Kimono no guarda-roupa, passa na oculum.com.br para combinar com um óculos top e arrsara no verão! Na oculum você pode comprar qualquer óculos parcelado em até 10 vezes, o frete é grátis para todo o Brasil, e nas compras à vista tem ainda 10% de desconto.

Produtos relacionados:

Saiba como escolher óculos escuros para crianças

Os óculos de sol infantis não deve ser tratados como brinquedos ou escolhidos apenas pela cor ou modelo. O assunto é coisa séria, e foi tema de uma matéria super importante no blog corujices.com em parceria com a Oculum.

Para fotografar as peças da linha Ray Ban Junior foram convidadas Mariana, do IG no instagram @jularoche, Maria Laura do blog Infantilidades, e Theo e Lis, filhos de uma das jornalistas do Corujices.

A matéria ouviu a oftalmologista Alessandra Carneiro, do Hospital de Olhos de Pernambuco, que alertou para riscos como catarata e degeneração da retina precoces ao usar óculos sem garantia da proteção 100%. “Com a lente escura, o olho entende como se fosse noite, a pupila dilata, e aumenta a entrada de luz, atinge o cristalino e a retina”.

A gerente da Oculum do Rio Mar Shopping, Pery Alves, ofereceu dicas para a hora da escolha do modelo adequado para cada criança.

Confira estas dicas:
– A parte superior dos óculos tem que estar na linha da sobrancelha
– O óculos não devem ficar apertando a maçã do rosto
– Deve ficar bem apoiado a ponte no nariz e as hastes por trás das orelhas
– Ao olhar para baixo, os óculos não devem ficar caindo

Com a chegada do Dia das Crianças, fica a sugestão de um ótimo presente!

Brincos leque combinam com óculos?

Harmonizar acessórios nem sempre é uma tarefa fácil, e quando a trendy segue uma linha de exuberância, o desafio é ainda maior. Os brincos leques estão no topo do desejo das fashionistas mais antenadas com a moda, e a dúvida na hora de compôr o look é: dá pra usar com óculos escuros, mantendo a harmonia? Sim!!! Várias blogueiras e celebridades já fizeram composições bacanas usando os dois acessórios juntos. Separamos algumas imagens para ajudar na inspiração do visual:

Produtos relacionados:

No Dia do Oftalmologista, conheça sete erros que podem arruinar sua visão

Esta semana, o Estado de Minas fez uma matéria super interessante apontando os sete erros que podem arruinar a visão e gente resolveu trazer hoje, no Dia do Oftalmologista! Sabe qual foi o primeira alerta do oftalmologista Renato Neves, diretor-presidente do Eye Care Hospital de Olhos, em São Paulo? Não podemos sair sem óculos de sol! Tá esperando o quê para ganhar mais saúde e beleza? Clique na Oculum virtual e escolha seus óculos de sol e de grau!

Confira os sete erros contra a visão:

1 . Sair sem óculos de sol
O acessório é indispensável mesmo em dias nublados ou com neve. Os raios UV deterioram a visão, levando à formação precoce de catarata, degeneração macular e até mesmo de tumores na superfície dos olhos. As lentes devem bloquear pelo menos 99% dos raios UVA e UVB.

2 . Passar tempo demais diante de um monitor
A curta distância, além do contraste e brilho da tela, podem causar fadiga ocular, visão turva, olhos secos e irritados. O ideal é se manter afastado pelo menos 50 centímetros do computador e fazer pausas de hora em hora para piscar. Caso contrário, a córnea começa a ficar ressecada e irritada.

3 . Abusar dos colírios
Ao mesmo tempo em que parecem eliminar a irritação ocular, os medicamentos, quando usados em excesso, podem estimular um ciclo vicioso. Ou seja, quando o paciente realmente precisar de um colírio, será necessário prescrever uma fórmula ainda mais forte para tratar o problema.

4 . Descuidar das lentes de contato
As lentes de contato devem ser higienizadas diariamente com soluções específicas, assim como o estojo. Jamais deve-se lavá-las debaixo do chuveiro nem entrar com elas em banheiras, piscinas ou mar. As chances de infecções oculares triplicam diante de uma higiene inadequada.

5 . Fumar
O vício prejudica consideravelmente a capacidade de o corpo fornecer nutrição e oxigenação adequada aos tecidos, incluindo os tecidos oculares. Fumar, portanto, aumenta o risco de catarata e degeneração macular (deterioração progressiva de parte da retina).

6 . Dormir de maquiagem ou usar produtos vencidos
Alguns tipos de sombra, por exemplo, podem arranhar o cristalino e causar irritação caso entrem em contato direto com os olhos. Outro cuidado fundamental é descartar toda maquiagem vencida, pois ela pode desencadear alergias severas, irritação, vermelhidão e sensação de areia nos olhos.

7 . Negligenciar sintomas
Adiar a consulta ao oftalmologista na presença de dor, sensibilidade à luz, visão difusa, vermelhidão persistente ou qualquer outro sintoma é um grande erro. Um diagnóstico tardio pode exigir, muitas vezes, intervenção cirúrgica muito mais complexa e um tempo de recuperação mais prolongado.

Produtos relacionados:

  • 1
  • 2